Para este ano, a diretoria do CFM decidiu publicar um alerta nos principais jornais do país (O Globo, Folha de S. Paulo, Estado de S.Paulo e Correio Braziliense) e nas revistas semanais nacionais. O mesmo texto do alerta será utilizado nas redes nacionais de TV nos dias 17 e 18 de outubro e será distribuído para as rádios de todo o país. Não haverá out-door. Leia abaixo a mensagem contida no alerta: “Sofrendo há muito tempo de descuido crônico, a saúde pública no Brasil passa por mais uma grave crise. O sistema de gestão é inadequado, os recursos são insuficientes, faltam materiais básicos para o atendimento à população. A remuneração dos médicos, por sua vez, pode ser classificada como vergonhosa. Recentemente, o SUS anunciou que passará a pagar irrisórios R$ 10,00 pela consulta de um especialista. Os valores pagos são indignos e obrigam os médicos a acumular empregos, o que se reflete na qualidade do serviço. Cria-se assim um quadro de perversa desigualdade, que penaliza os médicos e a população. Como cidadãos conscientes, é nosso dever reagir a esse mal.” 18 de outubro, DIA DO MÉDICO. Conselho Federal de Medicina Associação Médica Brasileira Federação Nacionam dos Médicos

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.