O Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB) solicitou à Secretaria de Saúde de João Pessoa que inclua no Plano de Imunização Municipal, como prioridade absoluta, os médicos com idade igual ou superior a 60 anos para vacinação contra o novo coronavírus.

Conforme o presidente do CRM-PB, Roberto Magliano de Morais, como não existe ampla disponibilidade da vacina para atender a toda população, o objetivo principal da imunização tem sido reduzir a morbimortalidade pela Covid-19, bem como manter o funcionamento da força de trabalho dos serviços de saúde.

“Os profissionais de saúde atendem a pacientes em ambientes de pandemia sustentada e estão, evidentemente, mais expostos ao risco de adquirir a infecção pelo Sars-Cov-2. Como cerca de 70% das mortes por Covid-19 no Brasil ocorre em pessoas com mais de 60 anos, os médicos nessa faixa etária estão incluídos em dois grupos de riscos. O médico idoso, em atividade, mesmo que não esteja na linha de frente, tem maior probabilidade de adquirir a forma grave da doença e morrer”, explicou o presidente do CRM-PB.

No ofício, encaminhado à Secretaria Municipal de Saúde nesta quarta-feira (27), o CRM-PB informa que há 1.423 médicos com 60 anos ou mais registrados no Conselho. No documento, o CRM-PB ainda coloca a sede da autarquia à disposição da SMS para funcionar como local de aplicação de vacina para este grupo prioritário.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.