Unidade possui quatro equipes e, em duas delas, não há equipamentos e insumos mínimos, além de mofo e infiltração

Após fiscalizar a Unidade de Saúde de Família Integrada Verde Vida, no bairro das Indústrias, em João Pessoa, na segunda-feira (18), o Conselho Regional de Medicina do Estado da Paraíba (CRM-PB) promoveu a interdição ética do trabalho médico de duas equipes. As ESFs I e II não possuem as mínimas condições para o atendimento médico, com estrutura física inadequada e sem os equipamentos básicos de um consultório médico. Faltam, por exemplo, termômetro, estetoscópio, otoscópio, dentre outros. As pias não têm água ou mesmo torneira, não há sabonete líquido, papel toalha, lençóis para as macas, além do intenso mofo e infiltrações nas paredes.

A USF Integrada Verde Vida conta com quatro equipes de saúde da família. Além das interdições das ESFs I e II, a equipe ESF III está em indicativo de interdição ética, por não disponibilizar água e insumos para a lavagem das mãos no consultório médico. A equipe do CRM-PB também constatou que além de mofo e infiltração nos consultórios médicos I e II, há também na farmácia, na sala de nebulização e no consultório de enfermagem. Nas paredes externas da farmácia há infiltração intensa e, neste período de chuvas, há alagamentos no corredor.

Em 2022, o CRM-PB interditou treze unidades de saúde na Paraíba, sendo sete em João Pessoa. Destas treze, oito continuam interditadas. “A interdição ética é a última alternativa para que as irregularidades sejam corrigidas. Temos feito reuniões com os gestores, diretores de unidades de saúde e mostrado as condições precárias que inviabilizam o ato médico e, em algumas vezes, põem em risco profissionais e pacientes. Esperamos que as inconformidades sejam corrigidas o mais rápido possível para que a população não seja prejudicada”, afirmou o diretor de fiscalização do CRM-PB, Bruno Leandro de Souza.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.