A equipe de Fiscalização do Conselho Regional de Medicina do Estado da Paraíba (CRM-PB) esteve em Campina Grande, no dia 20 de junho, e vistoriou cinco Unidades Básicas de Saúde. As inspeções fazem parte das ações proativas do departamento que vem vistoriando unidades de saúde de todas as regiões do estado.

As UBSs fiscalizadas possuem, de um modo geral, os mesmos problemas: falta de itens básicos nos consultórios médicos, nas salas de enfermagem, nas salas de vacina e nas salas de curativos e procedimentos. Também apresentam problemas no setor de esterilização e faltam equipamentos mínimos para o atendimento de intercorrências.

Foram fiscalizadas as unidades: UBS Bodocongó, UBS Rosa Mística (bairro Alto Branco), UBS Ana Amélia Vilar Cantalice (bairro Rocha Cavalcante), UBS Liberdade III (bairro Liberdade) e UBS Odete Leandro de Oliveira (bairro Bodocongó).

Na UBS Bodocongó também foram observados infiltrações e mofos nos consultórios médicos, na sala de triagem e na sala de curativos. Os consultórios não possuem climatização. Já na UBS Rosa Mística, havia mofo e infiltração nas paredes da copa e falta de climatização na sala de vacinação.

Na UBS Ana Amélia Cantalice não está sendo feita coleta de exame citológico, nem estão sendo feitos curativos, procedimentos, nem atendimento odontológico, por falta de salas estruturadas para tais serviços. A sala de esterilização está sendo usada como copa, não há autoclave. Na UBS Liberdade III não há sala de vacinação, sala de procedimentos e setor de esterilização.

Os relatórios do Departamento de Fiscalização foram enviados à Secretaria Municipal de Saúde para que as providências sejam tomadas a fim de sanar as irregularidades apontadas.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.