O Conselho Regional de Medicina do Estado da Paraíba (CRM-PB) fiscalizou o Hospital Distrital de Lagoa de Dentro, a 98 km de João Pessoa, no dia 9 de maio. O hospital municipal oferece um serviço de urgência e emergência 24 horas e funciona em regulares condições, sendo observadas algumas inconformidades pela equipe de fiscalização do CRM-PB.

Conforme a vistoria, o hospital conta com escala médica completa (um médico por plantão de 24h), mas não há diretor técnico médico. Foi observada falta de medicações de urgência na sala de reanimação, além de itens básicos faltosos no consultório médico e sala de procedimentos.

Em relação aos exames complementares, há disponibilidade de radiografia no período diurno nas segundas, quartas, sextas e sábados, mas não há laboratório de análises clínicas, nem sob terceirização. A Central de Materiais Esterilizados (CME) está interditada e a esterilização é feita, temporariamente, no Hospital Regional de Guarabira.

O hospital dispõe de 14 leitos de observação e todos estavam desocupados no momento da vistoria. Há ainda uma sala de parto normal, com materiais básicos. A unidade conta com uma ambulância básica para transferências e os municípios de referência são Guarabira e João Pessoa. O relatório do CRM foi encaminhado ao gestor municipal para conhecimento e providências necessárias.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.